Seu Navegador não tem suporte a esse JavaScript!
 
  • Jaison Oliveira Neves - PSB
  • Vereadores
    7ª LEGISLATURA - 2017 A 2020
    Presidente Atual
    Jaison Oliveira Neves
Enquete
VOCE É A FAVOR DA REDUÇÃO DA MAIORIDADE PENAL?


Data: 30/05/2018 Hora: 09:00:00
Campanha de vacinação prorrogada até 15 de Junho
Webline Sistemas

VACINAÇÃO FOI PRORROGADA ATÉ DIA 15 DE JUNHO

 

Começou no dia 23 de abril, e segue até o dia 15 de junho, a Campanha de Vacinação contra a gripe. Sábado, dia 12 de maio, será o Dia D da Campanha.

Em Cajati, a vacinação está sendo realizada em todas as unidades de Saúde, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 16h.

A Campanha será realizada por etapas, sendo que neste primeiro momento a prioridade é vacinar os trabalhadores da saúde, indígenas e as pessoas com 60 anos ou mais.

A partir do dia 02 de maio começa a vacinação em crianças, gestantes e puérperas. A partir do dia 09 de maio serão vacinados os professores, pessoas privadas de liberdade e comorbidades.

A meta para este ano é vacinar pelo menos 90% de cada um dos grupos prioritários: trabalhadores da saúde, povos indígenas, crianças na faixa etária de seis meses a menores de 5 anos (4 anos 11 meses e 29 dias), gestantes em qualquer idade gestacional e idosos com 60 anos ou mais.

Em 2017, 5.803 pessoas faziam parte do grupo prioritário. Foram aplicadas 4.468 doses, ou seja, 76,99% de cobertura.

Para as pessoas portadoras de doenças crônicas e outras categorias de risco clínico, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e professores será avaliado o número de doses aplicadas no período da campanha.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, estima-se que a ocorrência de casos da influenza pode variar de leve, grave até a morte. A hospitalização e a morte ocorrem principalmente entre os grupos de alto risco. Em todo o mundo estima-se que epidemias anuais resultem em cerca de 3 a 5 milhões de casos de doença grave e cerca de 290.000 a 650.000 mortes.

 

A Doença:

A Influenza é uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório. É de elevada transmissibilidade e distribuição global, com tendência a se disseminar facilmente em epidemias sazonais e também podendo causar pandemias.

 

Sintomas:

Aparecimento súbito de febre, cefaleia (dor de cabeça), dores musculares, tosse, dor de garganta e fadiga são as manifestações mais comuns. Nos casos mais graves, geralmente, existe dificuldade respiratória e há necessidade de hospitalização.

 

A transmissão:

Ocorre por meio de secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir, espirrar ou pelas mãos, que após contato com superfícies recém-contaminadas por secreções respiratórias pode levar o agente infeccioso direto à boca, olhos e nariz.

A transmissão ocorre principalmente através do contato com partículas eliminadas por pessoas infectadas ou mãos e objetos contaminados por secreções. É muito elevada em ambiente domiciliar, creches, escolas e em ambientes fechados ou semi fechados, dependendo não apenas da infectividade das cepas, mas também do número e intensidade dos contatos entre pessoas de diferentes faixas etárias. A transmissão é elevada também em aviões, navios e outros meios de transporte coletivo, onde são frequentemente registrados surtos de influenza A e B que acometem passageiros e tripulantes.

 

Grupos Prioritários:

·         Crianças de seis meses a menores de 5 anos;

·         Gestantes;

·         Puérperas (Todas as mulheres no período até 45 dias após o parto);

·         Trabalhadores de Saúde;

·         Professores:

·         Povos indígenas;

·         Idosos com 60 anos ou mais;

·         Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas;

·         População privada de liberdade e funcionários do sistema prisional;

·         Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

 

Grupos de Risco:

·         Doença respiratória crônica;

·         Doença cardíaca crônica;

·         Doença renal crônica;

·         Doença hepática crônica;

·         Doença neurológica crônica;

·         Diabetes;

·         Imunossupressão;

·         Obesos;

·         Transplantados;

·         Portadores de trissomias (Síndrome de Down, Síndrome de Klinefelter, Síndrome de Wakany, entre outras)

 

 

Enviar esta notícia para um amigo

Reportar erro

Data: 30-05-2018 00:00:00


Próxima Sessão

14 de AGOSTO

19h00

TERÇA - FEIRA